Ômega 3

Benefícios do Ômega 3

Os cientistas observaram uma incidência curiosamente baixa de doenças cardiovasculares entre os esquimós da Groenlândia, apesar de sua alimentação conter alto teor de gordura. O motivo é a sua alimentação, que consiste em peixes ricos em ácidos graxos ômega-3. Este foi o ponto de partida para maiores estudos sobre a importância do Omega-3 para a saúde humana.

Os ácidos graxos ômega 3 são gorduras essenciais para o funcionamento do organismo. São ácidos carboxílicos polinsaturados, como o ácido alfa-linolênico, ácido eicosapentaenóico e o ácido docosahexanóico. Eles não são produzidos pelo organismo e devem estar presentes na dieta, por esta razão, estes ácidos graxos são chamados de “essenciais”, assim como o ômega 6.

A ingestão do ômega 3 auxilia na diminuição dos níveis de triglicerídeos e colesterol ruim LDL, enquanto pode favorecer o aumento do colesterol bom HDL.

Possui ainda importante papel em alergias e processos inflamatórios, pois são necessários para a formação das prostaglandinas inflamatórias, tromboxanos e leucotrienos. Informações sobre benefícios do ômega 3 Ácidos graxos polinsaturados de cadeia longa ômega 3 na prevenção de doença cardiovascular Ômega 3 é um remédio natural para depressão (Globo Repórter, 12/08/2004). Ômega 3 combate sequelas do infarto, mostra estudo (Reportagem da France Press, em Paris, 07/02/2003) Ômega 3 reduz lesões por esforço (Pesquisa UNICAMP, São Paulo, 13/05/2003) Ômega 3 pode ajudar pacientes com câncer (Matéria da BBC, 14/09/2003) Ômega 3 pode prevenir doenças neuro degenerativas como a esclerose lateral amiotrófica.

O ômega 3 é reconhecido como sendo um nutriente cardioprotetor. Seus efeitos cardioprotetores devem-se, principalmente, a uma combinação de resultados nos seguintes parâmetros de risco à saúde cardiovascular: Diminuição do triglicérides no sangue; Prevenção de batimento cardíaco irregular (antiarrítmica); Diminuição da pressão sanguínea; Ajuda o combate ao câncer; Ajuda com depressão; Redução da agregação plaquetária e; Aumento da fluidez do sangue. Redução de episódios psicóticos. O ômega 3 é essencial para o funcionamento de dois órgãos importantíssimos: o cérebro e o coração. No coração, ele diminui o risco de ataques cardíacos, pois ele evita que as gorduras ruins (hidrogenadas e as saturadas) se fixem nos vasos sanguíneos, fazendo assim com que eles se entupam, causando os ataques cardiovasculares. Já o cérebro é constituído de 20% de gordura, então é importante o consumo de ômega 3 para deixá-lo ativo, em sua deficiência o cérebro funciona lentamente causando assim a falta de memória.

 Recomendações:

“Pessoas que apresentem doenças ou alterações fisiológicas particularmente com a alteração na coagulação sanguínea, mulheres grávidas ou amamentando deverão consultar o médico antes de usar o produto”. “Pessoas alérgicas a peixes e crustáceos devem evitar o consumo deste produto”. O Ministério da Saúde adverte: “Não existem evidências científicas comprovadas de que este alimento previna, trate ou cure doenças” Conservar o produto bem fechado, em local fresco e seco, protegido da umidade e dos raios solares.

Depoimento:

O óleo de peixe em cápsulas pode Curar Lesões no Cérebro.

A impressionante reportagem da Tv Record narra a história de Grant, um jovem americano que foi atropelado em setembro de 2012. Com várias lesões por todo o corpo e principalmente no cérebro o jovem estava em coma na UTI de um hospital. Os médicos desenganaram o garoto, mas os seus pais não desistiram. Foram em busca de um tratamento alternativo. Deram ao menino doses de progesterona (que desinflama o cérebro). 3 dias depois o garoto acordou e então passou a tomar 20g por dia de óleo de peixe em cápsulas que tem funções de restaurar e regenerar os neurônios. Alguns dias depois o garoto estava 100% saudável!


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *